19 de mar de 2015

Desconstrução da Informação


Pra mim, a desconstrução da informação foi o saldo deixado pelo técnico de nível superior nas comunidades. Nossos conceitos claros e seguros sobre práticas corretas de manejo e manutenção de Meliponíneos e meliponários foram descaracterizados por falta de conhecimento e experiência de Meliponicultura, é o que tá escrito na postagem anterior.
Apresento aqui a retomada da ética e planejamento estratégico, pautados em Metodologias Participativas.
Foto 1) Ampliação do Meliponário -  A casinha de bode (palhocinha) foi posta abaixo, sabe porque? Fácil, Meliponário é o local onde bem instalamos as colmeias de Meliponíneos. A casinha de bode virou abrigo para a máquina de triturar composto, longe do meliponário.
Foto 2) Meliponário ampliado - (200 colmeias, 50 com abelhas, previsto para reproduzir e alcançar as 200 até novembro). Local onde respeitamos espaços, sombreamento e segurança para as colônias de Meliponíneos.
Agora as famílias já capacitadas, estão reproduzindo as colônias e sequenciando o meliponário que foi erradamente fragmentado.
Saí das Comunidades com o Planejamento e avaliação participativa realizados e descobrimos que, a turma está apta para alimentar, reproduzir e ampliar meliponários com a capacitação recebida e sem a interveniência de técnicos e pseudo técnicos.
Ficou entendido que as Famílias Meliponicultoras organizadas, podem e devem, também, dizer não pra turma que chega ensinando cortar coco no meio para substituir as cumbucas de alimentação, ou aquelas famigeradas fórmulas de xarope para alimentar as abelhas. Cuidado, a turma está bem preparada para os desafios. Também digo mais, chegar e pegar o trabalho assim é moleza, ou não é?

5 comentários:

  1. Muito bonito seu trabalho meu amigo,Fernando Oliveira na sua Região você é a pessoa certa. A nossa meliponicultura não precisa de muita frescura para se desenvolver basta um bom conhecimento técnico que ás abelhas fazem o resto.
    Abraço
    Rivan Fernandes
    meliponário do litoral

    ResponderExcluir
  2. Essa é uma verdade que vc acerta no alvo, quanto mais em paz as abelhas e um pouquinho de comida, quando precisam e pronto.Obrigado pelo seu comentário. Abç

    ResponderExcluir
  3. Oi vcs vende comeias de abelhas indiginas.... se vcs vende eu quero comprar umas... sou de Belém do para...

    ResponderExcluir
  4. Oi vcs vende comeias de abelhas indiginas.... se vcs vende eu quero comprar umas... sou de Belém do para...

    ResponderExcluir
  5. Moro no municipio de Confresa-MT e tenho uma criação com 7 caixas da Melipona Seminigra Pernigra... Fernando como faço pra entrar em contato com voce pra comprar mais alguns enxames?! se possivel pode ate me ligar (66) 984390295!

    ResponderExcluir

Seguidores