19 de nov de 2011

Meliponicultura em Carlinda Produz Mel e Esperança

Numa região de vocação para a pecuária leiteira, o médico e prefeito Dr. Miranda apresenta o município como inovador e atuante no apoio à diversificação da agricultura familiar. Pequenos sitiantes estão melhorando as condições de vida por meio da diversidade produtiva em seus quintais. A criação de pequenos animais garante a proteína diária, hortas e pomares com as mais diversas frutas fazem a variedade de alimentos na mesa destas famílias. Vamos lembrar que geração de renda passa, principalmente, em não precisar comprar a maior parte dos alimentos que são produzidos nos quintais.
A Meliponicultura em Carlinda - MT tem uma sinergia muito especial. O Meliponário Matriz está instalado na Fazenda da Esperança, um lugar de acolhimento para dependentes químicos. Além de manejar os meliponíneos na Fazenda da Esperança a Meliponicultura será mais uma ferramenta de laboterapia para os rapazes retornarem o mais breve possível ao convívio dos seus familiares. Será um projeto desafiante e gratificante com as abelhas sem ferrão da Amazônia produzindo mel e Esperança para esta turma bacana. As fotos: Entre o Prefeito Miranda e o Secretário Paulo, destaque para a árvore atrás com um ninho de Melipona rufiverntris com entrada a 25 cm do chão. Sr. Beto mostra o quintal cheio de frutas, verduras e legumes. A capelinha acolhedora da Fazenda Esperança. Meliponário Matriz com 10 colmeias das campeãs M. seminigra.

4 comentários:

  1. Amigo Fernando,

    que maravilha,as abelhas nativas serão com certeza,grandes aliadas no tratamento dos dependentes químicos e ajudarão a melhorar a vidas das pessoas da região,além de ajudar na proteção ambiental e das próprias abelhas...Belo e importante trabalho,te desejo muita sorte e sucesso,nessa caminhada...

    Abraço.
    Paulo Romero.
    Meliponário Braz.

    ResponderExcluir
  2. É sim um alto astral aqui na Fazenda Esperança em Carlinda, amigo Paulo. Vamos trabalhar sim, para o projeto decolar nas asas dos meliponíneos em Mato Grosso. Abraço forte, Fernando.

    ResponderExcluir
  3. Fernando,

    Parabens pelo seu trabalho em prol ampliação da meliponicultura no Brasil!
    Abraços
    Do amigo
    Chrysologo

    ResponderExcluir

Seguidores