31 de out de 2011

O Garimpo Sustentável de Apiacás Produz Ouro Líquido

Vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=HJF8dirYlsQ
O norte de Mato Grosso é uma região onde o garimpo andou de mãos dadas com a colonização. O garimpo é uma atividade de muitas controvérsias ambientais e continua sendo praticada na região. Tião Fera, prefeito de Apiacás, sugeriu uma nova modalidade de garimpo para o município, o  Garimpo Sustentável.
Vamos produzir o Ouro Líquido da Amazônia! O Mel de Abelhas Nativas Sem ferrão, sem poluir, sem derrubar árvores, sem venenos, gerando qualidade de vida para as populações menos favorecidas.
O Programa de Meliponicultura de Apiacás prevê a implementação de um Banco de Matrizes e oportunizar geração de trabalho e renda com a produção do  mais delicioso mel que existe o mel de Abelhas Nativas Sem Ferrão da Amazônia.
A foto acima mostra o Sr. Gaudino com as suas 2 colônias, Melipona Interrupta e Melipona seminigra que eram criadas em caixas rústicas por mais de 15 anos. Sr. Galdino ampliou o plantel em 100% por meio de transferência das colônias para colmeias racionais associada a reprodução imediata. Alceu é outro Meliponicultor tradicional que integrou as suas colônias ao Meliponário Matriz.
Nossa meta é ao longo de 24 meses chegar a um plantel de 250 colmeias no Meliponário Matriz.

4 comentários:

  1. Amigo Fernando,

    realmente,esse ouro líquido é infinitamente mais vantajoso,para o meio ambiente que o ouro tradicional.
    Que bom,que as pessoas estão aceitando essa mudança,pois só assim a natureza poderá ser recuperada aos poucos,e as abelhas nativas serão bem manejadas,fazendo parte desse processo de recuperação natural,e gerando renda e melhores condições de vida,para os moradores locais.

    Abraço.
    Paulo Braz.
    Meliponário Braz.

    ResponderExcluir
  2. Olá Paulo, beleza? Vc sempre atencioso as postagens, obrigado por acompanhar, seus comentários dão uma boa animada. Desculpe por não estr, da mesma forma que vc, atento ao seu trabalho, pois ando na maior correria por aqui. Estamos montando um trabalho com 6 municípios e devo passar 2 meses fora e apenas 1 em casa, a saudade aperta, mas o trabalho é bom. Podemos depois ir trocando mais informações a medida que as coisas vão acontecendo. Abraço Fernando

    ResponderExcluir
  3. Oi, Fernando! Parabéns pelas atualizações do blog e pela iniciativa de nos trazer informações sobre estes projetos do MT.

    Existem diferenças fisiológicas ou comportamentais entre as abelhas nativas do MT e as amazônicas? Acho que seria muito interessante um post que abordasse as espécies e seus comentários sobre cada uma delas, refletindo suas experiências!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. é isso aii moro aqui em apiacás tudo daqui é riqueza bom pra tudo uma ótima cidade

    ResponderExcluir

Seguidores